Hacker publica lista de assinantes de site islâmico

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 18 de setembro de 2001 as 18:05, por: cdb

Um hacker alemão atacou um site islâmico baseado na Alemanha e divulgou centenas de e-mails de cadastrados na sua base de usuários, que incluía o de um dos suspeitos de participação no ataque terrorista a Nova York e Washington.
O invasor, que utiliza o apelido de “Anonyme Feigling” (medroso anônimo em alemão), publicou mais de 500 endereços de e-mail no serviço de notícias online suíço Symlink.ch. Com a invasão, o site islâmico alemão Gogaz.de foi tirado do ar, mas a versão inglesa da página ainda está funcionando e é onde podem ser lidos artigos como “Talibã: Alá abençoe o Afeganistão” na página principal do site.

O hacker alemão defendeu o seu ato em uma mensagem que dizia que “este site foi chamado para uma guerra santa e isso é tão aceitável quanto um recrutamento de nazistas para o império alemão. Quem quer que sejam os assinantes do serviço, eles sabem exatamente o que estão fazendo”. Um dos endereços da lista é de um estudante da Technical University de Hamburg, suspeito de envolvimento nos ataques ao World Trade Center.

De acordo com a organização hacker alemã Chaos Computer Club (CCC), já existe entre a comunidade de hackers uma solicitação para destruir os sites e outros sistemas de comunicação ligados pela Internet aos países islâmicos ou utilizados por organizações islâmicas. No entanto, o CCC está pedindo aos hackers para ignorar o movimento já que segundo o porta-voz da organização, Andy Müller-Marguhn, a Internet deve ser utilizada para contribuir com o entendimento internacional.