Grêmio descarta Magno e Diniz

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 30 de dezembro de 2002 as 23:24, por: cdb

A especulação sobre o possível interesse do Grêmio nas contratações dos atacantes do Fluminense Magno Alves e Fernando Diniz foi descartada com veemência pelo vice de futebol gremista, Luiz Eurico Vallandro. Segundo emissoras de rádio de Porto Alegre, o Fluminense poderia quitar a sua dívida R$ 2,3 milhões com o Grêmio – referente às aquisições de Agnaldo e Fabinho, na temporada de 2001 – através dos passes de seus atletas.

“Isso não tem qualquer fundamento. Eles são bons jogadores, mas não temos tratativas nesse sentido”, disse o dirigente gremista, que trata o assunto como “boataria”. Hoje, Vallandro terá uma nova reunião com o técnico Tite, a fim de definir possíveis contratações e novas dispensas.

Um nome que segue nos planos do Grêmio é o do centroavante Washington. A idéia dos dirigentes gremistas é propor ao Fernerbahce, dono do passe do atleta, que ele permaneça pelo menos mais seis meses no Brasil, para recuperar-se definitivamente da angioplastia realizada recentemente.