Zico não aprova “Mengolândia”

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 22 de novembro de 2002 as 23:49, por: cdb

Zico não aprovou a aquisição pelo Flamengo do Centro de Treinamento, em São João de Meriti, num terreno cedido pelo empresário vascaíno Arthur Sendas, sem ônus para o clube.

A “Mengolândia”, como espaço foi apelidado, será inaugurada na manhã deste domingo e começará a ser utilizada em dezembro, quando o elenco retorna das férias.

“Não acho uma boa idéia trocar os treinamentos na Gávea pelo Centro de Treinamento em São João de Meriti. O clube perde um pouco de sua identidade. O Botafogo, por exemplo, treina no Caio Martins e caiu para a Segunda Divisão”, discursou Zico, nesta sexta-feira.

A “Mengolândia” tem 45 mil metros quadrados e três campos de futebol, um deles reformado para ficar com dimensões oficiais. A diretoria rubro-negra, na figura do presidente Hélio Paulo Ferraz, se comprometeu a realizar um trabalho social para crianças e jovens carentes do município da Baixada Fluminense, podendo atender a até 50 mil pessoas.

Contra-ataque

“Respeito a opinião do Zico, mas no momento não temos outra alternativa. O Real Madri também tem o estádio num local e o CT em outro. Uma coisa nada tem a ver com a outra”, rebateu o presidente Hélio Paulo Ferraz