Zé Carlos não deve enfrentar o Goiás

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 9 de maio de 2003 as 18:32, por: cdb

Os jogadores do Flamengo fizeram um trabalho técnico-tático leve no gramado do Centro de Treinamento do Goiás, na manhã desta sexta-feira, por mais de uma hora. O grupo chegara a Goiânia pouco antes das 10 horas da manhã e mal teve tempo de deixar as bolas com objetos pessoais na concentração do Hotel Sagres e meia hora depois estava treinando.

Sempre tranqüilo mas com autoridade, o técnico Nelsinho levou o elenco para o treino. E só demonstrou preocupação quando, mais uma vez, foi procurado por Zé Carlos para ouvir do atacante uma frase que não queria ouvir: o jogador não se sente totalmente confiante para entrar em campo neste sábado contra o Goiás.

– Vamos esperar até amanhã (neste sábado) para conversar com o Zé Carlos – explicou o treinador. Quero ouvir o médico Walter Martins para saber dele o que se passa com o Zé Carlos. Depois desse papo a três vamos decidir. Caso o Zé Carlos seja vetado, colocarei Fernando Baiano e Jean no ataque – completou Nelsinho.

O dr. Walter Martins deu as explicações médicas com bastante clareza:

– O Zé Carlos deixou o treinamento reclamando de dores na coxa direita. Não tem nada a ver com aquela lesão no músculo anterior da coxa direita. A reclamação feita agora (por volta das 12:30h desta sexta-feira_ foi de uma dor muscular um pouco acima do local daquela lesão de 3 semanas atrás. Então vamos esperar essas 24 horas para tomar uma decisão. Como o Zé Carlos me disse que estava sem confiança para bater forte na bola, acredito que ele seja vetado porque não adianta forçar o atleta e depois perde-lo por mais três semanas – analisou o médico rubro-negro.

Quem tem volta garantida é Júlio César, que não enfrentou o Vitória quarta-feira por sentir problemas estomacais horas antes da partida. Na ausência de Júlio César, o jovem Diego, que também saiu das divisões de base, foi excelente e tem toda a confiança do técnico Nelsinho e dos companheiros.

Fábio Baiano também está à disposição do técnico nelsinho, mas a vaga no meio-campo agora pertence a Jônatas. E Andrezinho, que foi hostilizado pela torcida na quarta-feira, no Maracanã, vai ser mantido porque também tem a confiança do treinador.

A escalação provável é a seguinte: Júlio César; Luciano, Fernando, André Bahia e Athirson; Fabinho, Jônatas, Felipe e Andrezinho; Fernando Baiano (Zé Carlos) e Jean.