Voto vale R$ 50 em Macapá

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 3 de outubro de 2004 as 15:24, por: cdb

Até agora, segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Amapá, 73 pessoas foram presas fazendo boca-de-urna na cidade. As pessoas foram presas por policiais federais e militares quando abordavam eleitores nas filas, principalmente os indecisos. Cinco foram detidos por proposta de compra de votos. Eram oferecidos R$ 50 por voto. A metade na ida para a urna e os outros R$ 25 na volta.

A confirmação era feita quando o eleitor voltava da cabine votação e tinha de dizer qual a cor da camisa do candidato na foto da urna eletrônica. O desembargador Honildo Amaral de Melo Castro, corregedor do TRE no Amapá, diz que até o momento 208 denúncias foram recebidas no disque denúncia no tribunal. “Várias equipes de fiscalização formadas por juízes, promotores e policias estão nas ruas atendendendo as denúncias”, conta.