Votação de emendas e destaques da reforma tributária é adiada

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 9 de setembro de 2003 as 21:28, por: cdb

Foi adiada para esta quarta-feira, a votação das emendas e destaques que visam alterar a reforma tributária. O presidente da Câmara, deputado João Paulo (PT-SP), anunciou que a votação será realizada em sessão extraordinária, na manhã desta quarta.

Ele explicou que o adiamento é para que até esta quarta de manhã possa ser fechado um acordo com os partidos da oposição, a fim de agilizar a conclusão da votação da reforma tributária.
Segundo João Paulo, o governo já aceitou diversas reivindicações apresentadas pelo PSDB e pelo PFL, mas falta ainda acatar outros pleitos, principalmente do PFL.

Otimista, ele acredita no acordo para que seja elaborada uma emenda aglutinativa englobando os pleitos da oposição, que o governo venha a aceitar.

O líder do PFL, deputado José Carlos Aleluia (BA), disse que aguarda uma posição do governo em relação as propostas do PFL para que seja selado um acordo que viabilize a votação das emendas e destaques.