Vitória da Conquista reduz o número de casos de dengue em 2012

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 4 de abril de 2012 as 15:20, por: cdb

A campanha “Liga contra dengue”, realizada pela Prefeitura Municipal, mostra resultados positivos em Vitória da Conquista. No primeiro trimestre de 2012, o número de notificações de casos suspeitos de dengue diminuiu, em relação ao mesmo período de 2011.

Até o dia 31 de março de 2012, foram notificados 167 casos suspeitos de dengue. Nesse mesmo período, em 2011, foram notificados 273 casos suspeitos, o que representa uma diminuição de 38,8 %; diferente do que foi previsto pelo Ministério da Saúde, que colocou o município entre as 22 cidades da Bahia que poderiam ter um surto da doença.

Os números atuais são reflexo da intensificação das ações de combate à dengue, realizadas pelo Governo Municipal, que investiu na contratação de agentes de endemias, no fardamento e equipamentos para os 160 agentes. Também aconteceu a terceira gincana “Todos Contra a Dengue”, além da realização de campanhas publicitárias em  outdoor, panfletos, banner para sites, spot para o rádio e propaganda em jornais que contribuiu para conscientizar a população sobre o papel de cada morador no combate ao mosquito. Foram realizadas ainda capacitações de todos os servidores da Rede Municipal de Saúde e ações educativas em escolas, creches e empresas.

Mas a população deve ficar em alerta e evitar os criadouros do mosquito em suas residências.

A coordenadora do Centro de Controle de Endemias, Polyana Gonçalves, afirma que a participação da comunidade é fundamental no combate ao mosquito. “É preciso manter os reservatórios fechados, principalmente agora que estamos num período de seca, onde todos estocam água em toneis e outros vasilhames. Estes objetos devem ficar bem vedados para que o mosquito da dengue não consiga depositar seus ovos nessa água, também não devemos nos esquecer de manter os quintais livres de recipientes que possam acumular água no período das chuvas, uma vez que até uma simples tampinha de garrafa pode se tornar um criadouro”.

Após o fechamento do Levantamento de Índice Rápido do aedes ( LIRAa ), a Secretaria Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Endemias, já iniciou as ações nos bairros onde o índice de infestação está acima de 1%. “Neste momento, os bairros Henriqueta Prates, Conveima II, Vila Serrana IV, Sobradinho, Orfanato, Renato Magalhães, Ipanema , Kadija, Bruno Bacelar, Urbis VI, Nova Cidade, Urbis I, Petrópolis e Vivendas da Serra já estão recebendo visitas para tratamento focal dos agentes de endemias,” explica Polyana.

Atenção para os sintomas da Dengue: Se você apresentar febre alta, dor de cabeça, dor nos olhos, manchas vermelhas no corpo, dor nos ossos e articulações, vômitos, diarreia, procure a unidade de saúde mais próxima de sua casa. Em caso de dúvidas e denúncias disque: 0800 286 8525.