Violência no Rio aumenta entre abril e dezembro de 2002

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 24 de janeiro de 2003 as 13:20, por: cdb

A violência no estado do Rio aumentou muito entre abril e dezembro de 2002. A afirmação é do secretário estadual de Segurança Pública, Josias Quintal, que apresentou hoje os indicadores estatísticos da Segurança Pública. Segundo o secretário, delitos que vinham apresentando uma tendência de queda na sua gestão voltaram a crescer, como exemplo, ele destacou roubos e furtos de veículos e homicídios.

O secretário informou, ainda, que o número de pessoas presas foi muito menor, se comparado com a gestão do governador Anthony Garotinho. Josias Quintal classificou como “falta de competência e de uma política de segurança” o crescimento da violência. “Não fizeram o acompanhamento oportuno, mês a mês, das incidências. Muitos delitos poderiam ter sido diminuídos como roubo de carros” acredita.

Para Josias Quintal, o desafio da polícia este ano será o de reverter o quadro de violência. Entre as ações que serão adotadas a partir de agora está a intensificação do policiamento em áreas críticas e do trabalho de inteligência. Os indicadores estatísticos divulgados hoje comparam os meses entre abril e dezembro de 2001 com o mesmo período de 2002.