Vida nova

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 22 de outubro de 2012 as 11:44, por: cdb

Bruno Mendes prometeu muita dedicação para se manter entre os titulares (Crédito: AGIF)

Dedicação ao trabalho e até mesmo sucesso profissional são coisas normalmente distantes de um jovem de 18 anos. Acostumado com o trabalho duro, Bruno Mendes tem conseguido rapidamente o tão sonhado êxito com a camisa do Botafogo. Agora, com a vida transformada, pretende manter o foco no futebol para que possa repetir atuações brilhantes como aquela diante do Vasco, na última quinta-feira. 

“Mudou tudo na minha vida. Saio na rua e todos me reconhecem. Isso é fruto do trabalho. Venho me dedicando e focando no futebol faz tempo. É isso que Deus dá em troca. Cheguei focado e Oswaldo já me deu chance de começar como titular e, felizmente, fui bem”, analisou Bruno Mendes, que se inspira em outro atacante.

“Sempre vi os gols do Ronaldo. Sempre procurei vê-lo jogando na Europa e depois aqui no Brasil. Sempre gostei de ver as técnicas, as jogadas deles, os gols… Tudo”, revelou o jovem, novo candidato a xodó da torcida alvinegra.

O carinho da torcida, o atacante conquistou com gols decisivos contra fortes adversários. No Olímpico, empatou duelo com o Grêmio aos 46 minutos do segundo tempo. Contra o Vasco, dois gols, um deles o da vitória, aos 47 da etapa complementar. Feliz com a admiração conquistada, Bruno Mendes a considera fruto do trabalho que vem fazendo no pouco mais de um mês que tem de Botafogo.

“É o trabalho que venho mostrando. O torcedor vê a dedicação que mostro dentro de campo. Espero continuar firme e focado no futebol”, garantiu.

A parte boa do sucesso repentino Bruno Mendes já tem experimentado, com o assédio nas ruas e o reconhecimento. Mas com ele vem a responsabilidade, algo que o atacante não teme, apesar da juventude.

“É uma responsabilidade enorme para mim que tenho apenas 18 anos. Mas vou encarar de cabeça erguida e dedicação para mostrar meu futebol dentro de campo. Estou trabalhando para conseguir isso”, encerrou.

Na manhã desta segunda-feira, Bruno Mendes treinou como titular do ataque alvinegro, em coletivo realizado no campo anexo do Stadium Rio. Se confirmar a condição, começa jogando contra o Figueirense, às 22h desta quarta-feira, no Orlando Scarpelli, pelo Brasileiro.

Rodrigo Paradella

Vida nova

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 30 de julho de 2012 as 08:28, por: cdb

Fellype Gabriel espera que equipe faça boa campanha na Sul-Americana (Crédito: AGIF)

Foi suado, disputado até o final, mas o Botafogo conseguiu voltar a vencer pelo Brasileiro ao bater o Figueirense no último sábado, por 1 a 0. Satisfeitos com a conquista dos três pontos, os jogadores comemoraram a quebra da sequência sem vitórias.

“O importante é vencer. Não achei que a equipe jogou mal. Tivemos oportunidades de marcar, assim como eles. Não achei que estivemos mal, mas é claro que o torcedor quer um placar maior. Mas vínhamos de duas derrotas, o resultado foi importante por isso. Se pudermos vencer com mais tranquilidade, beleza, se não, o 1 a 0 também é muito bom, são três pontos”, lembrou Fellype Gabriel.

A partida teve como destaque também a nova formação implementada por Oswaldo de Oliveira. Feliz ocm o resultado final, Renato admitiu que a falta de tempo para treinar atrapalhou o rendimento da equipe em campo.

“Esse tempo que não temos para treinar atrapalha. A gente conversa bastante dentro de campo para tentar resolver. Fora isso, chegaram alguns jogadores que ainda estão conhecendo os novos companheiros. É claro que o torcedor espera o resultado e estamos trabalhando para isso”, reconheceu Renato. “Temos que conversar bastante para errar menos e acertar mais”, disse.

Antes de voltar a campo pelo Brasileiro, o Botafogo encara o Palmeiras em sua estreia pela Sul-Americana, na quarta-feira. Mesmo cansado com a maratona de jogos, Fellype Gabriel disse que não pretende valorizar uma das duas competições.

“Eu quero vencer, chegar na final, conquistar o título. Temos que nos desligar do Brasileiro nestes dias, infelizmente. Mas é um campeonato diferente e temos que estar muito atentos para conseguir o resultado. O foco agora é na Sul-Americana porque será importante para o Botafogo um título internacional”, ressaltou o meia.

O Glorioso enfrenta o Palmeiras às 21h50, na Arena Barueri. No sábado, o Botafogo volta a atuar pelo Brasileiro, contra o Atlético-GO, no Serra Dourada.

Rodrigo Paradella