VICE-PRESIDENTE DO URUGUAI CRITICA PANORAMA ATUAL DO MERCOSUL

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 12 de março de 2012 as 12:00, por: cdb

MONTEVIDÉU, 12 MAR (ANSA) – O vice-presidente de Uruguai, Danilo Astori, criticou hoje o atual panorama do Mercado Comum do Sul (Mercosul) por conta das medidas protecionistas promovidas pela Argentina e, em menor escala, pelo Brasil.
   
Em entrevista ao jornal uruguaio La República, Astori disse que “até agora a Argentina desconheceu por completo o Tratado de Assunção e o Uruguai o vem cumprindo fielmente”.
   
Segundo ele, “nos últimos tempos foram manifestados dois enfoques totalmente diferentes no que diz respeito à política econômica e particularmente no que diz respeito às relações do projeto de integração que compartilhamos”.
   
Ele ainda apontou que a concepção original do Mercosul, planejada como um tratado “muito aberto”, com exceções para ao açúcar e a indústria automobilística, “na prática hoje, nas relações com Argentina, e também em algumas com o Brasil, praticamente não sobrou nada”. “Existem todo tipo de restrições não alfandegárias, todo tipo de travas”, concluiu.
   
A Argentina impõe a seus parceiros comerciais licenças não-automáticas de importações, permissões especiais que implicam em uma maior demora nos tramites de comércio exterior para alguns produtos. (ANSA)