Vendas no comércio seguem firmes, mas abaixo das previsões dos analistas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 15 de setembro de 2009 as 11:50, por: cdb

As vendas no comércio varejista cresceram 0,5% em julho em relação ao mês anterior, segundo a Pesquisa Mensal do Comércio, divulgada nesta terça-feira, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado representa a terceira taxa positiva nesse tipo de comparação. Em relação ao mesmo período do ano passado, houve alta de 5,9% no volume de vendas. Economistas consultados pela agência inglesa de notícias econômicas Thomson/Reuters previam um crescimento mês a mês de 0,8% e uma alta de 6,2% ante 2008.

Entre os meses de janeiro e julho, o comércio acumula expansão de 4,7% em relação ao resultado do mesmo período de 2008. No acumulado de 12 meses encerrados em julho, o aumento foi de 5,8%. De acordo com o levantamento, a receita nominal de vendas (que inclui a inflação) subiu 0,5% na passagem de um mês para o outro. Em relação à de julho de 2008, a receita do comércio subiu 9,4%.

Segundo o IBGE, o segmento de hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo – com variação de 10,1% em relação aos dados de julho do ano passado – foi o responsável pela principal contribuição à taxa global do varejo. Nessa base de comparação, houve aumento no volume de vendas de seis das oito atividades.