Vale do Rio Doce vai investir u$ 1 milhão em pesquisas no Ceará

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 24 de maio de 2003 as 11:00, por: cdb

Com atividades em 14 estados brasileiros, a Companhia Vale do Rio Doce vai investir US$ 1 milhão, só este ano, em pesquisas minerais no Ceará. O protocolo de intenções foi assinado na última sexta-feira (23), com o governador do Ceará, Lúcio Alcântara, no Palácio Iracema.

– O Ceará tem interesse em atrair grandes empresas para investir no Estado e de viabilizar seus recursos naturais para o desenvolvimento econômico e social – reforçou o Governador.

De acordo com o protocolo de intenções, o Estado dará acesso a informações geológicas da região, bem como disponibilizará mapas e agilizará a tramitação dos pedidos de licença ambiental para a pesquisa nos municípios de Granja e Parambú.

A Companhia, por sua vez, já fez o mapeamento geoquímico da região e deve fazer o levantamento aéreo das condições geográficas e físicas para verificar a existência de Cobre nos municípios. No último trimestre do ano, a Vale do Rio Doce inicia as perfurações e testes de coletas de metais a até 500 metros de profundidade.

De acordo com o diretor presidente da Companhia, Roger Agnelli, depois dessa etapa, a direção da Vale do Rio Doce deve apresentar os resultados da pesquisa para o Governo do Estado e diagnosticar se realmente é economicamente viável a exploração do Cobre na região. A Companhia deve ainda contar com a estrutura do Porto do Pecém para desenvolver pesquisas em cabotagem.