Unrwa inaugura biblioteca em campo de refugiados libanês

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 29 de março de 2011 as 13:35, por: cdb

Agência da ONU recebe contribuição de empresa jordaniana para ajudar na reconstrução do campo de Nahr el-Bared, destruído em 2007.

Doação de livros

Daniela Kresch, da Rádio ONU em Tel Aviv.

A Agência das Nações Unidas de Assistência Refugiados Palestinos, Unrwa, recebeu uma doação de pouco mais de US$ 32 mil, equivalentes a mais de R$ 52 mil, da empresa de logística e transporte jordaniana Aramex. O dinheiro destina-se à inauguração de uma biblioteca no acampamento de refugiados de Nahr el-Bared, no norte do Líbano.

A biblioteca foi aberta ao público na sexta-feira com a presença da diretora regional da Aramex, Asma Zein, e do vice-diretor da Unrwa no Líbano, Robert Hurt.

Ditado Árabe

A verba vai financiar as despesas diárias da biblioteca, bem como o custo de equipamentos.

A Aramex também promete doar livros no valor de US$ 10 mil dólares.

Em seu discurso de agradecimento, Hurt citou um ditado árabe que descreve os livros como sendo a melhor companhia de uma pessoa.

“Essa biblioteca”, continuou Hurt, “vai dar às pessoas, jovens e velhas, a oportunidade de estar em boa companhia, exercitando suas mentes e a imaginação”.

Desabrigados

O campo de refugiados de Nahr el-Bared foi devastado em 2007 num confronto entre o Exército libanês e a facção islâmica Fatah al-Islam.

Desde o conflito, que durou três meses e deixou cerca de 400 mortos, mais de 27 mil refugiados ficaram desabrigados ou foram deslocados para outros acampamentos pelo país, criando uma crise humanitária que ainda afeta a população local, quatro anos depois.