Universidades Federais aderem ao Reuni

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 24 de dezembro de 2007 as 16:42, por: cdb

Após protestos de estudantes contra o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni ), todas as instituições federais de educação superior do Brasil aderiram ao programa. A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) foi a 53ª instituição a apresentar proposta de expansão ao Ministério da Educação (MEC). Com a adesão da UTFPR, ocorrida na última quinta-feira, 100% das universidades federais apresentaram planos de expansão. 

O Reuni tem como objetivo dobrar o número de estudantes de graduação nas universidades federais nos próximos dez anos. Em 2007, essas instituições ofereceram 133.941 vagas de ingresso. De acordo com o MEC, com o Reuni, esse número será de 229.270 em 2012.

Grande parte das universidades federais apresentou, no plano de reestruturação e expansão, a meta de ampliar o número de vagas nos cursos destinados à formação de professores.

Implantado em abril deste ano, o objetivo do Reuni, segundo o decreto que o instituiu, é ampliar o acesso e a permanência na educação superior, com melhor aproveitamento da estrutura física e dos recursos humanos existentes nas universidades federais. A meta é aumentar a relação professor/aluno (para um para 18) e elevar para 90% a taxa de aprovação dos estudantes ao final de cinco anos.

Estão nas diretrizes do Reuni a redução das taxas de abandono da faculdade, a ocupação de vagas ociosas e o aumento de vagas, principalmente no período noturno. As universidades que aderirem terão de reformar seu currículo, para que ele ofereça maior chance de mobilidade aos estudantes.

Para possibilitar a reestruturação, o Reuni o MEC calcula ser necessário um acréscimo de 20% no orçamento das instituições, suficiente para suprir despesas com pessoal e custeio.