Último mês para receber abono salarial e PIS

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 22 de junho de 2003 as 09:34, por: cdb

Os 558 mil trabalhadores que ainda não receberam o abono salarial, referente ao exercício 2002/2003, têm até o dia 30 de junho para buscar seus benefícios em qualquer agência da Caixa Econômica Federal. Da mesma forma, os rendimentos do PIS também podem ser procurados dentro no mesmo prazo. A Caixa já pagou 90,7% de todos os abonos identificados para pagamento no calendário 2002/2003.

Segundo informações da assessoria de Imprensa da Caixa Econômica Federal, já foram desembolsados R$ 1,5 bilhão em abonos e rendimentos do PIS para 20,8 milhões de trabalhadores, nesse calendário. Deste total, R$ 1,06 bilhão em abonos pagos, beneficiando 5,4 milhões de famílias e R$ 481,5 milhões em rendimentos do PIS, para 15,3 milhões de trabalhadores.

O abono, no valor de um salário mínimo (R$ 240,00), é o benefício mais importante para o trabalhador. Se não for procurado até a data limite do calendário, o trabalhador perde o direito ao benefício e o dinheiro retorna ao Fundo de Amparo ao Trabalhador – FAT. Já os rendimentos, geralmente em valores bem pequenos, quando não procurados, vão se acumulando no saldo de quotas do PIS, numa conta em nome do trabalhador, podendo ser sacados a qualquer tempo, dentro de qualquer calendário, desde que atendidos os critérios de saque.

No exercício anterior, a Caixa beneficiou 4,6 milhões de famílias com o pagamento do abono salarial, um recorde de 92,3% do total de abonos disponíveis. A meta da Caixa para este ano é superar esse número. Outros 14,7 milhões de rendimentos foram pagos a trabalhadores em todo o território nacional, totalizando entre abonos e rendimentos pagos R$ 1,2 bilhão (quase R$ 300 milhões a menos do que o total já pago até agora neste exercício).

Para o trabalhador que tem conta na Caixa (caderneta de poupança, conta corrente ou conta eletrônica), o crédito já foi efetuado diretamente nessa conta, em 2 de agosto de 2002. Foram beneficiados mais de 2,4 milhões de trabalhadores, sendo 542,1 mil com abonos e 1,9 milhão com rendimentos, totalizando R$ 59,1 milhões.

Houve um crescimento de 7,5% em relação ao exercício anterior no crédito direto em conta. Já os funcionários de empresa conveniada ao Caixa PIS Empresa, receberam crédito na folha de pagamentos de julho de 2002.