Uefa fará antidoping surpresa antes da Eurocopa

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 14 de novembro de 2003 as 18:20, por: cdb

A Uefa anunciou nesta sexta-feira que vai realizar exames antidoping surpresa às 16 seleções que participarão da próxima Eurocopa, em Portugal.

Na luta da Uefa contra o doping, esta será a primeira vez que as 16 seleções participantes serão submetidas a exames antes do início da competição, que acontece de 12 de junho a 4 de julho, além das 10 partidas da repescagem que decidirão as últimas vagas à competição.

De acordo com as recomendações da Agência Mundial Antidoping (Wada), a Uefa incluíu em seu programa a detecção do THG, esteróide que já se encontra na lista de substâncias proibidas no esporte.

– A mensagem é clara no sentido que não vamos ser tolerantes com aqueles que façam uso de substâncias proibidas e atuaremos contra eles – disse Gerhard Aigner, secretário-geral da Uefa.

A Uefa anunciou em setembro o aumento de 30% nos exames antidoping dentro das competições da temporada 2003-04 e lembrou que no ano passado, só aconteceu um resultado positivo em 396 jogadores e em um total de 10 partidas.

Da temporada 1994-95 até a 2002-03, 2.632 jogadores passaram por exames num total de 658 partidas, com apenas seis casos positivos.