UE toma medidas contra tráfico humano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 7 de novembro de 2003 as 15:49, por: cdb

Os ministros do Interior e da Justiça da União Européia decidiram nesta sexta-feira que as vítimas do tráfico humano que colaborarem para a prisão dos criminosos que os trouxeram ilegalmente para algum país da comunidade terão direito a visto temporário de pelo menos seis meses.

O acesso ao mercado de trabalho, entretanto, continuará obedecendo as leis de cada país. Os ministros reunidos em Bruxelas não conseguiram chegar a um consenso sobre uma política comum de asilo político, devido às divergências sobre a formulação de uma lista de nações vizinhas consideradas “seguras”.