UE e EUA debatem negociações multilaterais

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 14 de abril de 2003 as 13:02, por: cdb

O representante norte-americano para o comércio, Robert Zoellick, e o comissário europeu de comércio, Pascal Lamy, terão um encontro informal nesta terça-feira, em Bruxelas, onde o principal ponto da agenda é o desenvolvimento das “negociações multilaterais do ciclo de Doha (Catar)” no âmbito da Organização Mundial de Comércio (OMC), segundo informam fontes oficiais da representação dos Estados Unidos na capital européia.

Será um encontro informal para passar todos os pontos da agenda de Doha, reforçou Arancha Gonzalez, porta-voz de Pascal Lamy, indicando que por uma decisão conjunta não haverá entrevistas nem de Zoellick, nem de Lamy.

Quanto aos temas bilateriais, Gonzalez diz que foram discutidos recentemente em Washington e, por isso, “90% da conversa de amanhã girará em torno das negociações multilaterais”. Os problemas ligados à reconstrução do Iraque, especificamente à atribuição pelos EUA dos contratos públicos, também não devem ser abordados, segundo Arancha Gonzalez.

A Europa e os EUA, segundo os porta-vozes de ambos, querem avaliar a capacidade atual dos países desenvolvidos assumirem compromissos que reforcem a dinâmica das negociações no quadro da OMC, tendo em conta que alguns temas, como propriedade intelectual (patente de remédios) e agricultura estão sem consenso, em Genebra.

O diretor geral da OMC, Supachai Panitchpakdi, alertou este domingo, em Washington, para as consequências “desastrosas” à economia mundial, caso não haja a reformulação da liberalização comercial a partir de 2005, conforme prevê a Rodada, iniciada em Doha, novembro de 2001.