Tropas israelenses matam dois palestinos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 17 de dezembro de 2001 as 14:30, por: cdb

Soldados israelenses mataram a tiros dois palestinos em incidentes isolados na Cisjordânia. As ações de Israel ocorreram um dia depois de o líder da Autoridade Palestina, Yasser Arafat, ter defendido uma trégua no conflito com Israel, num pronunciamento de TV. “Lamento dizer que Israel está escalando as suas atividades militares”, disse Arafat, após as mortes dos palestinos.

Uma das vítimas foi Yacoub Aidkadik, 28, um militante do Hamas morto em frente a sua casa, na cidade de Hebron na Cisjordânia. Segundo o Exército de Israel, ele resistiu à prisão e tentou fugir. De acordo com Mahnoud Ghazal, um dos líderes do Hamas em Hebron, a morte do militante mostra que Israel não planeja pôr em prática um cessar-fogo.

Ghazal afirmou que os militantes palestinos não podem concordar com o pedido de trégua de Yasser Arafat enquanto Israel não se comprometer a fazer o mesmo. Na cidade de Nabulus, também na Cisjordânia, soldados israelenses mataram um policial e feriram outro. De acordo com um policial palestino, seus colegas estavam à paisana e viajavam em um carro sem identificação policial.