Todos os governos da América Latina são democráticos, diz Lula

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 9 de março de 2007 as 17:54, por: cdb

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse em encontro com George W. Bush que “as ditaduras são uma dolorosa lembrança para os países da América Latina”.

– Todos os governos latino-americanos foram eleitos por ampla maioria popular -, afirmou Lula, em discurso ao lado de Bush.
 
Esta semana, antes de sua ida a São Paulo, o presidente norte-americano fez discurso criticando seu colega venezuelano Hugo Chávez, por considerá-lo uma ameaça à democracia.

– Todos estamos empenhados num destino de integração e nossa integração se dá entre nações independentes, com autonomia política e econômica -, afirmou Lula.

Lula defendeu que a integração da América do Sul é o melhor caminho para reforçar a  democracia. Segundo ele, essa integração é feita respeitando as decisões de cada nação.

– Respeitamos as opções políticas e econômicas de cada país. Isso nos permite avanços notáveis. Sabemos que a integração é o melhor caminho para o fortalecimento da democracia e para a prosperidade regional. Cria riqueza e promove o desenvolvimento -, afirmou.

O presidente brasileiro também afirmou que “a democratização e a reconquista das liberdades políticas não foram suficientes para impedir que milhares de pessoas vivam na pobreza”.

– E todos sabemos que democracia política prospera quando se combate a pobreza -, afirmou.

Lula chamou Bush a apoiar ações de redução da pobreza.

– Temos de discutir de forma soberana como os países ricos podem ajudar os países pobres a se desenvolver -, disse.