Timão apresenta Fábio Costa no dia 7

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 24 de dezembro de 2003 as 08:46, por: cdb

O goleiro Fábio Costa já tem um pré-contrato de dois anos assinado com o Corinthians e vai se apresentar no Parque São Jorge no dia 7 de janeiro, uma quarta-feira.

O jogador está em Salvador e não pretende dar entrevista até a véspera da apresentação, dia 6, quando vai falar em um hotel de São Paulo sobre a saída do Santos.

A amigos, Fábio Costa confidenciou que prefere não falar sobre o assunto neste momento. Magoado com o Santos, que procurou o goleiro Hélton, ex-Vasco da Gama e atualmente no União Leiria (Portugal), para o seu lugar, o jogador teme falar “o que não deve”.

O Corinthians segue tentando esconder o fato. Apesar de o diretor técnico, Roberto Rivellino, ter praticamente confirmado a negociação na segunda-feira, o restante da diretoria prefere o silêncio.

Nesta terça, o trio que comanda o futebol corintiano estava fora da capital. Francisco Papaiordanou está no litoral paulista, já Andrés Sanches e Antonio Roque Citadini no interior do estado. “Só vamos falar do Fábio Costa em janeiro”, limitou-se a dizer Roque Citadini, por telefone.

O goleiro tem contrato com o Santos até 31 de dezembro, por isso o cuidado corintiano em tratar do assunto. O pré-contrato pôde ser assinado porque a Fifa permite que um atleta assine acordo com outro clube até seis meses antes de finalizado o contrato vigente.

Nos bastidores do clube, a contratação de Fábio Costa é comemorada. Nos últimos anos, o Corinthians perdeu alguns jogadores importantes para o Santos e a aquisição do goleiro é vista como um troco.

Em 99, Viola estava no Peixe, mas havia praticamente acertado o retorno para o Timão. O Santos, no entanto, procurou o presidente da Federação Paulista, Eduardo José Farah, que auxiliou financeiramente a permanência do atacante na Vila.

Em 2000, Rincón deixou o Parque São Jorge para jogar no Santos após receber uma proposta financeira melhor. Já em 2001 foi a vez de Marcelinho Carioca, que havia sido liberado pelo clube do Parque São Jorge, acertar com o time da Vila Belmiro. A única vitória recente de contratações do Corinthians sobre o Santos foi o atacante Deivid, que em 2001 saiu da Vila para atuar no Parque.