Thomaz Bastos é contra redução da maioridade penal para 16 anos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de novembro de 2003 as 17:23, por: cdb

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, se declarou radicalmente contra a redução da maioridade penal para 16 anos de idade. Ele acha que idéias como essa, que no passado ganharam corpo na sociedade, nunca resolveram os problemas da criminalidade.

O ministro lembrou que “já se falou no Brasil em pena de morte, prisão perpétua, junto com a redução do limite de idade para a responsabilidade penal. Mas o governo precisa é aumentar a eficiência da polícia, é se fazer a reforma do Judiciário e melhorar as condições do sistema prisional”.

Thomaz Bastos alertou que é preciso cuidado com o sentimento de pânico, de impulso, em torno da questão, “pois gostaria, pessoalmente, que o problema de segurança pública pudesse ser resolvido por um simples tiro de canhão. Não se pode submeter pessoas que estão em processo de formação ao convívio terrível de um sistema penal defeituoso”.