Tesouro permanece cético quanto aumento da arrecadação de março

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 7 de abril de 2010 as 13:42, por: cdb

Secretário do Tesouro, Arno Augustin deu a entender, nesta quarta-feira, que ainda é cedo para comemorar os resultados preliminares da arrecadação em março.

– Ainda estamos avaliando e só vamos divulgar no final deste mês. Mas temos também que considerar que há um perfil de despesa em março, principalmente de sentenças judiciais, mais forte. De qualquer forma, há um otimismo em termos de crescimento da receita – afirmou.

Augustin participou de reunião na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara para falar sobre a execução orçamentária e o desempenho do Tesouro Nacional no mês de março. Na véspera, o secretário da Receita, Otacílio Cartaxo, informou que dados preliminares mostram que a arrecadação de impostos e contribuições federais cresceu em março cerca de 7%, em termos reais (corrigidos pela inflação), se comparada com o mesmo mês do ano passado.

Em março do ano passado, a arrecadação foi de R$ 53,261 bilhões a preços correntes, e de R$ 55,723 bilhões, corrigida pelo Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA). O secretário disse ainda que em termos nominais (sem considerar a inflação), o crescimento da arrecadação deve ter ficado por volta de 14%.