Temporão acredita que governo compensará perda da CPMF

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 20 de dezembro de 2007 as 18:42, por: cdb

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, disse, nesta quinta-feira, estar convencido de que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a equipe econômica encontrarão uma solução para compensar a perda.

Estimativas dão conta de que o imposto traria uma arrecadação de R$ 24 bilhões, que seriam investidos em ações do pacote para a saúde. Segundo Temporão, a derrota no Senado serviu para colocar a saúde na agenda política e que hoje tanto o governo quanto a oposição estão conscientes de que é preciso encontrar uma fonte de financiamento “sustentável e de longo prazo”.

— Estou confiante de que em 2008 vamos resolver em definitivo o financiamento setorial, através da reforma tributária —, afirmou o ministro.

O ministro disse que ainda não teve tempo de conversar a sós com o presidente Lula, mas que isso deve acontecer em janeiro, “quando a poeira baixar”. Ele disse não ter recebido nenhuma promessa do presidente ou dos ministros da área econômica, porém ressaltou que é uma questão de governo a decisão de investir na qualificação do Sistema Único de Saúde (SUS).