Tempestade deixa 14 mortos e mais de 500 desalojados na Argentina

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 5 de abril de 2012 as 17:30, por: cdb

Monica Yanakiew e Carolina Pimentel*
Repórteres da Agência Brasil

Buenos Aires e Brasília – Pelo menos 14 pessoas morreram, mais de 20 ficaram feridas e 500 foram obrigadas a deixar suas casas por causa da tempestade que atingiu a capital argentina, Buenos Aires, e regiões próximas na madrugada desta quinta-feira (5). Foram registrados ventos de até 120 quilômetros por hora e queda de granizo.

Telhados foram arrancados e caíram sobre carros que estavam estacionados. As autoridades estimam que mais de 400 árvores foram arrancadas pela tempestade. Houve também queda de energia em alguns bairros da capital e em cidades atingidas pela chuva. Na cidade de Santa Fe, um jovem de 19 anos morreu eletrocutado ao pisar em um cabo elétrico que se soltou com o vento forte.

As localidades mais afetadas pelo temporal foram Moreno, Ituzaingo, Quilmes, Avellaneda, Berazategui, Berisso, Ensenada, General Rodrígues, Lanús, Morón, La Matanza, Florencio Varela e Suipacha.

Cerca de 600 policiais foram designados para socorrer as vítimas e avaliar os estragos nas áreas mais atingidas, conforme o Ministério de Segurança Nacional.

* Com informações da agência pública de notícias da Argentina, Telam

Edição: Vinicius Doria