Taiwan tem recorde diário de infectados pela Sars

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 18 de maio de 2003 as 21:15, por: cdb

Taiwan registrou neste sábado o maior número de casos registrados da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars, sigla em inglês) em um só dia na ilha.

De acordo com dados oficiais, 34 pessoas foram contaminadas.

A notícia foi divulgada depois da renúncia do ministro da Saúde, Twu Shiing-Jer, que foi alvo de críticas por causa do rápido avanço da doença no país.

Com esses novos casos, o número de pessoas que contraíram a pneumonia atípica em todo o mundo já chega a 7,7 mil, sendo que 610 casos levaram os pacientes à morte.

Confiança

Por outro lado, Cingapura pode ser declarada livre da Sars neste fim de semana.

Além disso, a Organziação Mundial da Saúde (OMS) expressou confiança de que Hong Kong estará em condições de controlar a epidemia.

Na China, o governo vem registrando uma diminuição dos casos desde o início do mês.

Especialistas ressaltam, no entanto, que, por falta de consenso na interpretação dos sintomas, algums médicos chineses estão registrando um número de casos abaixo do realmente existente.

Para tentar controlar o avanço da Sars, a Suprema Corte da China ameaçou condenar a prisão perpétua – e até mesmo a morte – quem desobedecer as ordens de permanecer em isolamento.

O tribunal anunciou uma série de penas baseadas em leis já existentes para controlar epidemias.

Por essa legislação, quem disseminar intencionalmente uma doença que ponha em perigo a segurança pública pode ser condenado a sentenças que vão de 10 anos de detenção à pena de morte.