Supermercados não aceitarão cartões de débito

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 29 de janeiro de 2002 as 10:55, por: cdb

As grandes redes de supermercados prometem suspender a aceitação de pagamentos com cartões de débito a partir de fevereiro, caso não consigam negociar uma redução das taxas cobradas pelas administradoras. O Wal-Mart no Brasil divulgou nota ontem informando que a partir do dia 22 de fevereiro a aceitação de cartões de débito estará suspensa. O Pão de Açúcar promete suspender o serviço a partir do dia 25 de fevereiro.

Segundo a nota do Wal-Mart, o crescimento da participação dos cartões de débito no total dos meios de pagamento deveria absorver cada vez mais os custos fixos do sistema e, portanto, trazer economia para o sistema como um todo. Porém, de acordo com a nota, tem se observado uma tendência de aumento de taxas de administração. Segundo a rede, a aceitação destas novas taxas acarretará em maiores custos para os clientes.

O Pão de Açúcar tomou a mesma decisão, porém não aceitará mais operações com cartões de débito em suas lojas a partir de 25 do próximo mês. O Carrefour deve distribuir nas lojas da rede, o mesmo comunicado a partir de hoje. O problema está sendo discutido pela Associação Brasileira dos Supermercados (Abras) desde o início do mês. As administradoras de cartões de débito não querem se pronunciar, por enquanto, sobre o assunto.

O diretor de comunicação do grupo Pão de Açúcar, Paulo Pompilio, disse ontem que a decisão é por tempo indeterminado e vale para todas as bandeiras da rede. Segundo ele, a companhia entende que o consumidor não será prejudicado pela medida, pois todas as outras formas de pagamento serão mantidas.