Sorteio define municípios onde recursos públicos serão fiscalizados

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 3 de abril de 2003 as 15:01, por: cdb

Balneário Arroio do Silva (SC), com 6.436 habitantes; Ribeirão Corrente (SP), com 4.018 habitantes; Castelândia (GO), 4.044 habitantes; Colônia do Piauí (PI), 7.318 habitantes e Rio Preto da Eva (AM), 19.910 habitantes serão os cinco primeiros municípios que passarão pela fiscalização especial da Procuradoria Geral da União relativa a aplicação de recursos federais. A escolha foi feita por sorteio pela Caixa Econômica Federal.

Ao lançar o novo programa de fiscalização por sorteio, o ministro-chefe da Procuradoria Geral da União, Waldir Pires, informou que o Programa conta com três etapas de implantação. A primeira se inicia agora com os cinco municípios sorteados nesta quinta-feira que representam cada região do país.

Daqui a um mês haverá um novo sorteio para um município em cada estado. Acrescentou que após os ajustes das duas primeiras etapas, o programa ganha formato definitivo com o sorteio mensal de até 100 municípios das diversas regiões do país.

Em seu discurso, o ministro destacou que a utilização desse novo mecanismo de fiscalização por sorteio da aplicação dos recursos federais foi a melhor forma de afastar as alegações de que poderia haver vingança política ou apadrinhamento.

Na avaliação do ministro, o atual governo não vai tolerar corrupção e desvio de dinheiro público. Disse ainda que a Caixa Econômica Federal foi escolhida para fazer os sorteios pela credibilidade pela longa experiência em sorteio de loterias.