Sobe para três o número de mortos na queda de avião em Curitiba

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 27 de dezembro de 2002 as 16:16, por: cdb

Autoridades do estado do Paraná informaram nesta sexta-feira que três pessoas morreram e 13 ficaram feridas na queda de um avião Bandeirante C-95, da Força Aérea Brasileira (FAB), ocorrida pouco antes do meio-dia de quinta-feira, próximo ao Aeroporto Internacional Afonso Pena, na região metropolitana de Curitiba.

A aeronave, que havia decolado do Campo de Marte, em São Paulo, com destino a Florianópolis, em Santa Catarina, faria uma escala em Curitiba.

Nove militares e sete parentes, incluindo duas crianças, viajavam no avião. Testemunhas contaram ter visto as turbinas do avião desligadas, poucos momentos antes da queda, mas não notaram fumaça.

As primeiras informações davam conta de que o piloto do Bandeirante estaria tentando realizar um pouso de emergência quando ocorreu a queda, a pouco mais de dois quilômetros do aeroporto, numa área povoada. O avião caiu num terreno baldio e ficou com sua parte dianteira totalmente destruída.

Em nota oficial, divulgada na quinta-feira, o Comando da Aeronáutica lamentou o acidente e informou já ter dado início às investigações para determinar os fatores que contribuíram para o desastre.

Um laudo sobre o acidente deve ser divulgado em um prazo de 30 a 90 dias. O avião era do Parque de Material Aeronáutico de São Paulo, sediado no Campo de Marte.