Sistema Elétrico vai interligar Brasil e Uruguai

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 16 de março de 2010 as 13:11, por: cdb

Até 2013 os sistemas elétricos de Brasil e Uruguai estarão conectados. Um contrato assinado entre a Eletrobrás e a Administración Nacional de Usinas y Transmisiones Eléctricas (UTE) prevê a interligação energética entre os dois países.

Serão investidos R$ 128 milhões na construção de uma subestação de 500/230kV em Candiota (RS), uma linha de 500kV com 60 quilômetros de extensão até a fronteira com o Uruguai e outra de 230kV, com nove quilômetros, que vai ser conectada com a Subestação Presidente Médici, de propriedade da Companhia Estadual de Energia Elétrica do Rio Grande do Sul (CEEE).

Desde 2006, os ministérios dos dois países já vislumbravam a parceria, e em junho do mesmo ano assinaram um memorando de entendimento para fortalecer a integração energética pela ligação entre as localidades de São Carlos, no Uruguai e a região de Candiota, no Brasil.

A Eletrosul assinou um contrato com a Eletrobrás que garante a coordenação dos trabalhos e a responsabilidade por todo processo de implantação da subestação e das linhas de transmissão. O prazo para a conclusão do empreendimento é de 36 meses a partir da assinatura do Contrato Eletrobrás-UTE. A Eletrosul também será repsonsável pela operação e manutenção das instalações quando prontas.