Sírios retomam protestos; tropas atiram contra manifestantes

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 26 de agosto de 2011 as 06:44, por: cdb

Sírios retomam protestos; tropas atiram contra manifestantes

AMÃ (Reuters) – Forças leais ao presidente sírio, Bashar al-Assad, atiraram contra manifestantes depois das orações de sexta-feira no subúrbio de Douma, em Damasco, disseram ativistas, enquanto manifestações irrompiam novamente em toda a Síria contra o regime autocrático do presidente.

A insurgência contra o governo já dura seis meses.

“Manifestantes ligaram para dizer que duas pessoas foram mortas, mas essa é a informação inicial que ainda deve ser confirmada”, disse um ativista em Damasco à Reuters por telefone.

Outros ativistas e moradores informaram que houve protestos em diversas cidades, muitas das quais foram invadidas por tanques, desde a província de Deir al-Zor, no leste, a Deraa, no sul, e a província de Idlib, no noroeste.

Segundo as fontes, manifestações também ocorreram em grandes cidades como Hama e Homs, localizadas na principal rodovia que vai à Turquia, e em distritos na capital Damasco.

“Gaddafi se foi, é sua vez, Bashar!” gritavam manifestantes na cidade de Hirak, a nordeste de Deraa, inspirados pela aparente derrubada do líder líbio por rebeldes nesta semana, disseram testemunhas, por telefone.

“A polícia de segurança atirou para o alto para dispersar o protesto de 2 mil (pessoas). Não houve feridos”, afirmou a fonte.

Reuters