Síria reage e diz que “armas químicas estão no Iraque”

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 14 de abril de 2003 as 11:15, por: cdb

A Síria negou nesta segunda-feira que possua armas químicas e que tenha cooperado com a administração de Saddam Hussein. “Dizemos a ele (presidente dos EUA) que a Síria não possui armas químicas e que as únicas armas químicas, biológicas e nucleares na região estão em Israel, país que ameaça seus vizinhos e ocupa suas terras”, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Buthaina Shaaban.

“Nunca houve cooperação entre Damasco e Bagdá, nosso apoio é ao povo iraquiano, o qual sofreu várias guerras”, acrescentou o porta-voz.

Em Doha, no Catar, o vice-diretor de operações do Comando Central dos EUA, general Vicent Brooks, disse que a maior parte dos soldados estrangeiros que lutavam com as forças de Saddam Hussein era síria. “Também sabemos que houve tentativa de entrada no Iraque a partir da Síria e que algum recrutamento ocorreu naquele país”, disse Brooks.