Sindicalistas são convocados para depor no caso máfia dos transportes

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 21 de novembro de 2003 as 20:32, por: cdb

A Polícia Federal convocou para depor os sindicalistas acusados de envolvimento na máfia do transporte público da capital. O juiz da terceira vara criminal convocou seis ex-sindicalistas, entre eles Edvaldo Santiago, que era presidente do sindicato.

Nenhum deles quis gravar entrevistas. As audiências foram fechadas. Os interrogatórios foram convocados porque o Ministério Público Federal pediu a prisão preventiva dos ex-sindicalistas, que estariam ameaçando testemunhas do processo.

Eles são acusados de fazer greve de ônibus para forçar a prefeitura a aumentar as tarifas. Edvaldo também é suspeito de assassinato de sindicalistas. Os acusados, que chegaram a ser presos durante o processo, respondem em liberdade.