Sharon ordena remoção rápida de quatro colônias

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 28 de dezembro de 2003 as 23:22, por: cdb

O primeiro-ministro israelense, Ariel Sharon, e o ministro da Defesa, Shaul Mofaz, ordenaram neste domingo a remoção de quatro colônias ilegais na Cisjordânia, informou a televisão pública israelense.

O general Moshé Kaplinsly, comandante da região militar do centro, que engloba a Cisjordânia, vai realizar estas operações de remoção rápida para aproveitar o prazo de duas semanas necessário para recorrer desta medida ao Tribunal Supremo israelense.

Os quatro assentamentos ilegais são Ganot Aryeh e Magen David, no norte da Cisjordânia, e Ayin Maarav e Havat Shaked, no sul desta região.

O Mapa da Rota, último plano de paz internacional para resolver o conflito israelense-palestino, prevê, entre outras coisas, a remoção de todas as colônias que não foram autorizadas pelo governo desde a chegada de Sharon ao poder em março de 2001.