Serra critica participação de ministros na campanha de Marta

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 6 de outubro de 2004 as 17:01, por: cdb

A participação de ministros do governo Lula na campanha pela reeleição da prefeita Marta Suplicy em São Paulo foi criticada nesta quarta-feira pelo candidato tucano, José Serra, que disse achar “imprópria” a mistura de ações de governo com as de partido.

– Fazer reunião em pleno horário de trabalho, num lugar de trabalho, com o presidente da República e dirigentes partidários, para planejar campanha me parece impróprio – disse Serra, durante caminhada que fez no início da tarde desta quarta-feira no Jabaquara, Zona Sul de São Paulo.

Na terça-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu no Palácio do Planalto com os seis prefeitos petistas já eleitos e com mais cinco ministros. O presidente e o tesoureiro do PT, José Genoino e Delúbio Soares, também estavam no encontro no qual se discutiram estratégias de ajuda à candidatura de Marta.

– O que eu fico preocupado é usar dinheiro do governo para campanha, porque se deslocar para São Paulo tem custos, tem aviõenzinhos, tem dinheiro gasto, dia que deixam de trabalhar – voltou a criticar Serra.

O tucano disse que o PSDB não pretende trazer “gente de fora” para conseguir votos em São Paulo. Para ele, isso não convence eleitores.