Sequência de Fantasma da Ópera estreia sob inquietação dos fãs

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 9 de março de 2010 as 12:28, por: cdb

A sequência de O Fantasma da Ópera, um dos maiores musicais de todos os tempos, estreia em Londres nesta terça-feira em meio a inquietação entre fãs inveterados do musical, que vêm postando opiniões online desde que as pré-estreias começaram, duas semanas atrás.

O compositor Andrew Lloyd Webber se preocupou com a repercussão na Internet — boa parte dela negativa — tanto que a criticou em entrevista recente a um jornal, apesar de continuar confiante em que Love Never Dies terá final feliz.

A discussão vem acontecendo sobretudo no site da publicação teatral What’s On Stage.

Mais de 850 mensagens foram deixadas no site desde 22 de fevereiro, quando Steve 10086 descreveu o musical como “um tédio”. Mas nem todos os comentários têm sido negativos, e muitas pessoas que os fizeram não tinham assistido ao musical.

Lloyd Webber, que recentemente passou por tratamento contra câncer da próstata, descreveu as pessoas que já estão atacando a nova produção como “uma cultura patética” de pessoas “que se pautam exclusivamente pelo velho Fantasma da Ópera”.

No site do próprio musical, um blogueiro resumiu o sentimento de muitos fãs de Fantasma.

– Uma coisa é certa: nunca haverá nada tão bom quanto o Fantasma. Fui assistir à sequência com a cabeça aberta, mas me senti como se estivesse assistindo a um rascunho da coisa real.

Criador de muitos musicais de sucesso, incluindo Evita, Starlight Express, Cats e Jesus Christ Superstar, Lloyd Webber acha que muitos de seus maiores sucessos poderiam ter tido dificuldade em sobreviver se tivessem sido criados na era da Internet, marcada pelas reações instantâneas.

– Se alguém (com acesso à Internet) tivesse assistido à primeira pré-estreia de Cats’ acho que o musical teria sido encerrado ali mesmo –, disse ele.

Sob alguns aspectos, Fantasma da Ópera é o musical mais difícil para se igualar, tendo quebrado recordes com mais de 9.000 apresentações apenas em Londres, a maior temporada na história da Broadway e apresentações diante de mais de 100 milhões de pessoas desde que estreou, em 1986.

Mas Fantasma também recebeu algumas críticas negativas iniciais, e Lloyd Webber disse recentemente ao jornal The Independent:

– A história do teatro musical é repleta de resenhas negativas dadas a peças que depois viraram clássicos.

Love Never Dies estreia nesta terça-feira no teatro Adelphi, no West End, em Londres, e chegará à Broadway em novembro e à Austrália em 2011.

O novo musical leva adiante a história do Fantasma, que deixou seu esconderijo no Teatro de Ópera de Paris e, dez anos mais tarde, assombra os parques de diversões de Coney Island, em Nova York.