Semed capacita profissionais para atuar no Programa Segundo Tempo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 18 de abril de 2012 as 14:15, por: cdb

Coordenadores de núcleos, monitores de Educação Física e de atividades pedagógicas foram capacitados, na tarde da terça-feira (17), para atuarem como educadores no Programa Segundo Tempo. A proposta é qualificar recursos humanos para o desenvolvimento e o aperfeiçoamento das atividades esportivas e pedagógicas.
O programa tem como objetivo principal minimizar a vulnerabilidade social no município, por meio da promoção e do incentivo da prática esportiva entre alunos da rede municipal de ensino. Os alunos recebem material esportivo e complementação alimentar. O Segundo Tempo é desenvolvido pelo Ministério do Esporte e conta com a parceria da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel).
De acordo com o coordenador geral do programa e facilitador da capacitação, Ricardo Souza, a formação representa mais uma das etapas para o processo de implementação do programa em Maceió. “A Prefeitura de Maceió assinou convênio com o Ministério do Esporte, que firmou parceria com a Semed e a Semel. O convênio vai até fevereiro de 2013, podendo ser prorrogado”, informa.
Ricardo explica que já houve uma prévia seleção de educadores que deverão ocupar 150 vagas. “Estamos nesse momento capacitando mais de 150 profissionais, por que precisamos ter uma reserva técnica de, no mínimo, 30 pessoas, sendo 10 de cada área”, frisa, referindo-se aos coordenadores de núcleos, monitores de Educação Física e monitores da área pedagógica. A seleção oficial foi divulgada na quarta-feira (18). Em seguida haverá o processo de inscrição e cadastro dos alunos que serão beneficiados com o programa.
Durante a formação, os educadores receberam instrução teórica e prática. A parte teórica incluiu a filosofia do programa e suas diretrizes, bem como o planejamento pedagógico. Na parte prática, que foi desenvolvida no Ginásio Tenente Madalena, no Bom Parto, eles receberam orientações a respeito das atividades esportivas, entre outros assuntos.
Segundo a diretora do departamento de Educação Física da Semed, Dayse Lopes, o programa deve atender cerca de 200 alunos da rede municipal. A proposta é levar atividades esportivas e de lazer, além de ações complementares, no contraturno escolar. Essas atividades serão desenvolvidas em vários núcleos, sendo 50 ao todo, são eles: sete na Vila Olímpica, um na Faculdade Integrada Tiradentes (Fits), um no Centro Social Urbano (CSU), no Santo Eduardo e 41 nas escolas da rede.