Seleção terá poucos ‘estrangeiros’ na Copa das Confederações

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de maio de 2003 as 13:52, por: cdb

A seleção brasileira de futebol que participará da Copa das Confederações terá poucos jogadores que atuam fora do país, afirmou esta sexta-feira o treinador do Brasil, Carlos Alberto Parreira.

– A proporção de jogadores que atuam no Brasil será maior – disse Parreira.

O treinador acrescentou que a equipe que disputará a Copa das Confederações, entre 18 e 29 de junho na França, “será uma composição de acordo com os clubes”.

– Tenho que esperar pelos clubes que estarão disputando partidas decisivas em campeonatos. Em princípio, teremos um número máximo de dois jogadores por clube – acrescentou.

O Brasil participará da Copa das Confederações como campeão do mundo. Na primeira fase, a seleção ficará no grupo B, com Estados Unidos (campeão da CONCACAF), Camarões (campeão da África) e Turquia, seleção convidada.

No Grupo A estão França (campeã européia), Japão (campeão asiático), Colômbia (campeão sul-americano) e Nova Zelândia (campeã da Oceania).