Schumacher conquista o tetracampeonato na Hungria

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 19 de agosto de 2001 as 13:06, por: cdb

Foi tudo perfeito para a conquista do tetracampeonato no travado circuito de Hungaroring, em Budapeste. Michael Schumacher (Ferrari) venceu de ponta a ponta o GP da Hungria, neste domingo, e garantiu o título do Mundial de Pilotos por antecipação. Ainda restam quatro provas para o fim da temporada.

Mais do que isso, o piloto da escuderia italiana também igualou o recorde de vitórias do ex-piloto francês Alain Prost, também tetracampeão, na categoria: 51.

Em números, Schumacher está atrás apenas do lendário piloto argentino Juan Manuel Fangio, único pentacampeão da F-1. O segundo lugar ficou com o brasileiro Rubens Barrichello (Ferrari). O escocês David Coulthard (McLaren), o único que poderia alcançar o alemão, chegou em terceiro.

Na largada, o jogo de equipe da Ferrari funcionou. Barrichello pulou à frente de Coulthard para que Schumacher pudesse disparar na liderança.

As posições chegaram a se inverter no primeiro pit-stop – parada para troca de pneus e reabastecimento -, mas o brasileiro recuperou o segundo lugar na parada seguinte.

Para as próximas provas a disputa vai ser pelo vice-campeonato. Coulthard, com 51 pontos, tem a vice-liderança do Mundial de Pilotos ameaçada por Barrichello, 46, Ralf Schumacher, com 44 pontos.

Os demais brasileiros, Luciano Burti (Prost), Enrique Bernoldi (Arrows) e Tarso Marques (Minardi) não completaram a prova.

A próxima etapa da Fórmula 1 é no dia 2 de setembro, na Bélgica, no circuito de Spa-Francorchamps.