Saúde dos servidores públicos é debatida no 57º FONAC

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 9 de março de 2012 as 14:13, por: cdb

O alto índice de aposentadoria por invalidez foi foco de debates do painel “Prevalência e fatores associados ao absenteísmo-doença entre servidores públicos das capitais brasileiras”, apresentado nesta sexta-feira (09-03), no 57º FONAC – Fórum Nacional de Secretarias Municipais de Administração das Capitais, em Cuiabá.

O painel foi ministrado pela coordenadora do Estudo Multicêntrico sobre absenteísmo-doença da Secretaria de Administração de Goiânia, Ana Lúcia Leão. Durante o debate, a coordenadora apresentou uma planilha utilizada na capital goiana, para atestar os índices de absenteísmo, de doença do servidor público e de aposentadoria por invalidez. Bem como os motivos que levam a este cenário.

“Por meio desta planilha, o gestor pode tomar decisões de forma mais segura, na tentativa de diminuir a situação do absenteísmo”, pontuou Ana Lúcia.  

De acordo com a secretária de Gestão de Cuiabá, Adriana Barbosa, o maior objetivo deste painel é a união das capitais brasileiras na luta pela criação de uma política Nacional de Saúde do Servidor Público.

FONAC

A 57ª edição do Fonac teve início na quarta-feira (07-03). O evento reúne os secretários de administração das capitais, que durante quatro dias debaterão temas relativos à administração pública. As discussões giram em entorno de projetos ligados a área de recursos humanos, com otimização e contratação de pessoas, capacitação de servidores, e programas na área da tecnologia da informação.

O 57º Fonac está sendo realizado no Hotel Holiday Inn Express Cuiabá. O evento termina no sábado, dia 10 de março.

Fonte:  Sandrine Gahyva-Secom Cuiabá-3645-6054