São presos dois chechenos suspeitos de matar editor americano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de setembro de 2004 as 05:18, por: cdb

O chefe de polícia de Moscou, general Vladimir Pronin afirmou, nesta terça-feira, que policiais prenderam dois chechenos, supostos participantes do assassinato do diretor da edição russa da revista <i>Forbes</i>, o americano Paul Klebnikov. O editor foi morto a tiros, na noite de 9 de julho, quando saía do trabalho.

–  Agentes policiais moscovitas detiveram ontem à noite (segunda-feira) dois chechenos envolvidos no assassinato de Klebinikov – dise Pronin.

Segundo o general, os chechenos detidos haviam seqüestrado e mantinham como refém outra pessoa.