Sala de Estabilização leva saúde 24h para o Selmi Dei

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 17 de abril de 2012 as 15:02, por: cdb

Novo serviço inaugurado pelo prefeito Marcelo começa a salvar vidas logo no primeiro dia de funcionamento, com o atendimento de um caso de infarto

 A população do Selmi Dei e dos bairros ao entorno – que totaliza aproximadamente 35 mil pessoas – conta agora com um moderno e eficaz espaço para atendimento de urgência e emergência 24 horas. É a Sala de Estabilização “Dr. Othon Leite do Amaral”, entregue pelo prefeito Marcelo Barbieri, na noite da segunda-feira (16). De acordo com o prefeito, o espaço atenderá 24 horas à população da região, todos os dias da semana. Com uma equipe formada por médico, enfermeiro e técnicos, a estrutura tem como objetivo prestar assistência temporária para estabilização de pacientes em estado grave ou de condição clínica frágil provocada, por exemplo, por acidentes ou traumas. Em geral são pacientes que necessitam de cuidados imediatos e, após estabilização clínica, podem ser encaminhados diretamente para a internação nos hospitais. “Foi um desafio cumprir esse compromisso que assumimos com a população”, disse Marcelo. “Nos empenhamos muito, porque a população necessitava desse atendimento. Elaboramos o projeto e agora entregamos oficialmente esse espaço que irá atender toda a região do Selmi Dei, incluindo o Indaiá, o Adalberto Roxo, São Rafael, entre outros bairros que compõem essa área”. 
  Prevenção e assistência Para o prefeito, a Sala de Estabilização traz um ganho de qualidade para a região. “Nesse local pode-se vencer uma etapa importante da nossa história, que é salvar uma vida”, disse. “A distância aqui do Selmi Dei até o Melhado é grande. Com o novo serviço em funcionamento, diminuímos o tempo para o atendimento, o que significa muito para salvar uma vida. Com isso, também iremos diminuir a procura pelo Pronto Socorro do Melhado, garantindo um melhor atendimento à população, com a formação de uma rede de urgência e emergência ”, disse. “Tudo o que é preciso para estabilizar o paciente, para que ele chegue com vida em outra unidade, temos aqui”, disse a secretária da Saúde, Dra. Maria Regina Barbieri, referindo-se a equipamentos como desfibrilador, respirador, monitor multi parâmetros, aspirador – entre outros. 

 “Aqui temos uma base 24 horas do SAMU, que é a primeira base descentralizada de Araraquara e que se faz necessária por causa da distância entre os bairros e do número de pessoas”. A secretária Regina lembrou que a Sala de Estabilização fica integrada à Unidade de Saúde da Família Dr. Herculano Graeff, que realiza o trabalho de assistência e prevenção. O local foi reformado pelo prefeito e agora possui dois consultórios odontológicos. “Em Araraquara, de 2008 a 2011, cresceu mais de 100% o atendimento da saúde bucal”, apontou. O presidente da Câmara, Aluisio Braz, o Boi, disse que é muito bom “ver o projeto da Sala de Estabilização sair do papel e se tornar qualidade de vida para a população”. “É um novo momento para Araraquara e para o Selmi Dei – este bairro que é uma verdadeira cidade. O prefeito Marcelo tem realizado diversas obras que mudam a cidade e melhoram a qualidade de vida das pessoas”, defendeu Boi. Novo espaço A Sala de Estabilização pertence ao Núcleo Integrado de Saúde (NIS), localizado junto à Unidade de Saúde da Família (USF “Dr. Herculano Graeff”) do Selmi Dei 4, na Av. Olímpio Bolzan, nº 90. O investimento na obra, que também contemplou a reforma da USF, foi de R$ 157.180,27, numa contrapartida da empresa Scopel Desenvolvimento Urbano. O prédio do NIS foi reformado para a implantação da Sala de Estabilização no local. Os serviços executados contaram com: reforma e adequação de prédio com sala de espera e recepção, novo consultório odontológico, sala de emergência, sala de inalação, sala de coleta, consultório ginecológico, sala de observação, sala para conforto médico, sala de digitação e esterilização, adequação de sanitários e sanitário para pessoas com deficiência.

  Maria Magdalena da Silva, 58 anos, conhecida como “Maria Garapeira”, considerou “ótima” a implantação do novo serviço do Selmi Dei, já que assim o atendimento fica mais próximo dela e de sua família. Ela tem seis filhos e dez netos. “Agora não precisamos ir para longe. Além disso, temos uma ambulância 24 horas”. De acordo com ela, a estrutura traz mais confiança, “principalmente por causa dos meus netos e dos meus pais que têm 86 e 83 anos”. Salvando Vidas Na noite de segunda-feira, após a inauguração, o médico de plantão Dr. Valcir Muniz Júnior, cardiologista, fez o atendimento de um paciente de 64 anos, com diagnóstico de infarto ou angina de alto risco. O paciente foi encaminhado pela ambulância de suporte avançado do SAMU à Santa Casa de Araraquara. “Em casos como esse, de cardiologia, o tempo é fundamental. Quanto mais rápido for o atendimento menor é o risco de vida e melhores são os prognósticos para o futuro”, avaliou o médico.