Saeb Ekarat renuncia papel de negociador da Autoridade Palestina

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 16 de maio de 2003 as 08:43, por: cdb

O ministro Saeb Erakat renunciou ao posto de principal negociador da Autoridade Palestina, informaram fontes oficiais nesta sexta-feira, acrescentando que os motivos para a decisão ainda são desconhecidos.

A renúncia de Erakat, que manterá sua cadeira no Conselho Palestino como representante da cidade de Jericó, será efetivada dentro de uma semana.

Erakat comunicou sua decisão em carta ao presidente da Autoridade Palestina, Yasser Arafat, e ao primeiro-ministro Mahmoud Abbas.

Um dos aliados mais leais de Arafat, Erakat não se pronunciou publicamente sobre o assunto.

No passado, Erakat comentou o quanto sua posição de negociador palestino prejudicava sua vida em família.

Entretanto, o jornal israelense Ha’aretz, citando autoridades palestinas, informou que Erakat estava insatisfeito com os rumos dos contatos diplomáticos com o Estado judeu.

Além disso, Erakat teria ficado bastante irritado com a decisão de Abbas de não incluí-lo na delegação que se encontrará com o primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, neste sábado à noite.

Ao mesmo tempo, o ministro da Segurança, Mohammed Dahlan, e o presidente do Conselho Palestino, Abu Ala, foram convidados a integrar a comitiva do premier palestino.

O encontro de Sharon e Abbas será a primeira reunião de cúpula palestino-israelense nos últimos dois anos e meio.