Sacerdote francês é condenado a seis anos de prisão por pedofilia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de maio de 2003 as 16:10, por: cdb

Um tribunal parisiense condenou nesta sexta-feira a seis anos de prisão o sacerdote Jacques Daheron, por ter violado e agredido sexualmente três menores.

A Promotoria havia pedido uma pena de cinco anos, devido ao precário estado de saúde do padre, de 67 anos.

No ano passado, o escândalo de pedofilia envolveu muitos países, mas o epicentro foi os Estados Unidos.

O ex-líder da Igreja Católica Romana de Boston, o cardeal Bernard Law, e outras ex-autoridades da arquidiocese enfrentam acusações de que nada fizeram para afastar padres acusados de pedofilia do contato com crianças.

Eles teriam apenas transferido os padres de paróquias.

Abuso

Law renunciou em dezembro e a Igreja Católica estudou novas regras para lidar com padres acusados de abusar sexualmente de crianças.

Mas muitas dioceses dos EUA estão enfrentando processos jurídicos pedindo indenizações. Setenta novos processos foram apresentados contra a diocese de Boston somente em janeiro.

A Igreja estuda a venda de bens para usar o dinheiro em acordos com as vítimas.