Rosinha vai a Brasília pedir ajuda a Benedita

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 2 de maio de 2003 as 13:02, por: cdb

A ministra da Assistência e Promoção Social, Benedita da Silva, encontrou-se nesta sexta-feira com a governadora do Rio, Rosinha Matheus, no Palácio Guanabara. Segundo Rosinha, o governo do estado pediu a Benedita que, através do seu ministério, ajudasse na questão do Programa de Atendimento Integral à Família, porque este ano o estado está tendo dificuldades em repassar o dinheiro aos municípios.

De acordo com a governadora, a ajuda seria dada no segundo semestre deste ano.

– No ano que vem o estado vai estar reestruturado e nós assumiremos novamente o repasse dos recursos. Este é um projeto com recursos exclusivo do Estado – informou Rosinha. Ainda de acordo com a governadora do Rio, na próxima semana o secretário Estadual de Ação Social, Fernando William, estará ainda em Brasília para estudar como será feito o convênio.

Segundo Benedita, o ministério de Assistência e Promoção Social irá desenvolver alguns convênios que no futuro estarão beneficiando as iniciativas do governo federal em relação aos estados. Segundo a ministra, neste primeiro momento, eles estão tratando do Programa de Atendimento à Família. O valor a ser repassado pelo ministério ainda não está definido.

Atualmente 82 municípios do Rio integram o Programa de Atendimento a Família, iniciado no governo de Anthony Garotinho.

A ministra Benedita da Silva vinha sendo alvo constante das críticas da governadora Rosinha e de seu marido, o recém-empossado secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho.

Garotinho chegou a afirmar, depois das eleições para governador do Rio, que iria “desinfetar” o Palácio da Guanabara. O secretário referia-se à moradia oficial do governador do Estado, que, antes de Rosinha, havia sido ocupada pela hoje ministra e ex-governadora Benedita.