Ronaldo não está preocupado com a atual situação do Barcelona

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 18 de abril de 2003 as 21:32, por: cdb

atacante brasileiro Ronaldo, atualmente no Real Madrid e que consolidou sua reputação como um dos melhores jogadores do mundo durante sua espetacular temporada no Barcelona, há sete anos, afirmou que não está nada comovido com a difícil situação que seu ex-time atravessa na atual temporada do Campeonato Espanhol de Futebol.

Ronaldo, que no sábado enfrentará seu antigo clube pela primeira vez desde que se transferiu para o Real Madrid, vindo da Inter de Milão, no início desta temporada, disse que não está preocupado com o fato de que uma derrota do Barcelona no estádio Santiago Bernabeu poderá levar a equipe catalã a uma difícil luta contra o rebaixamento.

“Acho que é muito difícil, mas poderia acontecer”, declarou Ronaldo, em entrevista publicada na página da Internet do Real Madrid, nesta sexta-feira.

“No futebol europeu há vários casos de times históricos que caíram para a segunda divisão”, continuou.

“No momento, o Barcelona é nosso adversário e não me preocupo muito com os adversários, pois estou bastante concentrado com meu time e farei tudo o que for possível para o Real vencer’.

Ronaldo disse ainda que tem bastante vontade de marcar um gol contra seu ex-time.

“A motivação é grande; é um clássico e gostaria muito de marcar um gol contra o Barcelona”, comentou o brasileiro.

O Real Madrid, apesar da derrota por 4-2 para o Real Sociedad, no último fim de semana, lidera a classificação com 60 pontos. Já o Deportivo La Coruña e o Real Sociedad somam 57 pontos.

O Barcelona, por sua vez, tem 24 pontos a menos que o Real Madrid e ocupa a décima segunda colocação, apenas seis unidades acima da zona de rebaixamento, com nove jogos faltando para o fim da temporada.

Tanto o Real Madrid como o Barcelona realizam uma boa campanha na Copa dos Campeões da Europa e, se vencerem suas séries, poderão se enfrentar nas semifinais.

Nas partidas de ida, o Real Madrid derrotou o Manchester United por 3-1 e o Barcelona empatou por 1-1 com a Juventus.