Romário é operado e desfalca o vasco durante um mês

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 17 de agosto de 2001 as 00:39, por: cdb

Romário estava abatido, sem conseguir firmar o pé no chão e carregado pelo médico Fernando Mattar e pelo fisioterapeuta Fábio Marcelo. O problema foi mais grave do que se imaginava. Romário foi submetido a uma artroscopia no joelho esquerdo, ontem à noite, no Hospital Barra D’Or, e foram constatadas duas lesões: a compressão e a rotação do menisco. Com isso, Romário desfalca o Vasco por um mês e a previsão dos médicos é de que ele só volte na 13ª rodada do Brasileiro, contra o Goiás.

Romário foi operado pelos médicos do Vasco Clóvis Munhoz e Alexandre Campello. A cirurgia durou cerca de 30 minutos e foi considerada um sucesso. Os médicos retiraram 30% do menisco posterior do joelho e 1,5 cm da cartilagem.

– Não foi uma lesão tão simples. Mas não foi grave, já que não afetou os ligamentos do joelho – disse o médico Clóvis Munhoz.

Antes da sofrer a lesão, Romário já sentia dores no joelho, mas preferiu não falar para os médicos. O atacante estava determinado a enfrentar a Argentina, próximo jogo do Brasil pelas Eliminatórias. A contusão aconteceu quando o Baixinho tentou uma arrancada e jogou todo o peso sobre o joelho esquerdo, sobrecarregando a articulação.

Foi a segunda vez que Romário teve que fazer uma artroscopia no joelho esquerdo. Em 95, quando jogava pelo Flamengo, ele sofreu uma lesão contra o Grêmio e foi submetido a uma raspagem da cartilagem no local. Mas isso não chega a preocupar.

– É um joelho que já sofreu uma lesão e isso pode retardar a recuperação. Mas não vão ficar marcas – disse o médico Alexandre Campello, que acha que a idade de Romário não vai atrapalhar na recuperação.

Romário terá alta hoje pela manhã e já começará a fazer fisioterapia em sua casa.