Romário é eleito jogador “mais eficiente do ano”

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 9 de janeiro de 2002 as 18:17, por: cdb

O atacante Romário, da equipe do Vasco, foi eleito pela Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol o jogador mais eficiente de 2001. A federação é uma entidade alemã que coleta dados sobre futebol e o título de Romário se deve à média de gols obtida pelo baixinho ao longo do ano passado. O atacante marcou 21 gols em 18 partidas, o que representa a média de 1,167 por jogo. A lista da federação leva em conta ainda os jogos dos 50 principais campeonatos nacionais do mundo.

Além de Romário, a lista de atacantes mais eficientes de 2001 incluiu outros brasileiros: o desconhecido Robson, da equipe japonesa do Sapporo, e o artilheiro Jardel, atualmente no Sporting, de Portugal, e que defendeu a equipe do Galatasaray, da Turquia. O segundo jogador na lista da federação foi o boliviano José Alfredo Castillo, do Oriente Petrolero. O jogador marcou 42 gols em partidas, o que representa uma média 1,105 por partida.

Entre os times, o inglês Liverpool foi considerado o melhor da temporada. A equipe venceu a Copa da Uefa, a Copa inglesa e a Liga britânica. O melhor técnico foi o argentino Carlos Bianchi, que levou a equipe do Boca Juniors à conquista da Copa Libertadores em 2000 e 2001. A conquista do título de jogador mais eficiente do ano por Romário pode contribuir para que ele venha a defender a seleção na Copa do Mundo de 2002, já que o técnico Luiz Felipe Scolari só divulgará a lista de jogadores convocados no próximo dia 31.