Resgatadas quase mil pessoas em Bam

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 28 de dezembro de 2003 as 09:30, por: cdb

Quase mil pessoas foram retiradas vivas dos escombros da cidade de Bam, no sudeste do Irã, entre sábado e a manhã deste domingo, segundo um novo balanço divulgado pela agência de notícias oficial Irna.

Mais cedo, a agência havia informado que 200 pessoas haviam sido resgatadas com vida. “Esses sobreviventes do terremoto foram localizados graças aos cães farejadores e aos aparelhos ultramodernos de detecção das equipes de resgate iranianas e estrangeiras”, afirma a Irna em um comunicado.

As operações de busca de sobreviventes terminarão nesta noite e já não é necessário enviar equipes internacionais de resgate ao local. “Esperamos que as operações de busca e salvamento terminem neste domingo”, anunciou o Gabinete de Coordenação de Assuntos Humanitários da ONU em um comunicado.

Uma reunião na manhã de hoje em Bam, entre o representante da ONU Jesper Lund e as autoridades iranianas “decidiu que não é mais necessário o envio de equipes internacionais de busca”, informa o documento.

Um porta-voz da ONU em Genebra explicou aos jornalistas que as buscas continuarão com as equipes de 16 países que já estão no local da tragédia, mas acrescentou que não existem mais possibilidades de encontrar sobreviventes depois de domingo, “a menos que aconteça um milagre”.

O terremoto que sacudiu o sudeste do Irã na sexta-feira causou pelo menos 10 mil mortes apenas na cidade de Bam, que tinha uma população de 90 mil habitantes, informou o governador da província de Kerman. Por outro lado, a rádio estatal informou que até o momento 13 mil mortes foram confirmadas na região, afetada sexta-feira por um terremoto de 6,3 graus na escala Richter.