Representante dos EUA diz que regime de Fidel cairá em breve

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 9 de julho de 2003 as 17:04, por: cdb

O sub-secretário de Estado americano para a América Latina e Caribe, Otto Reich, afirma que o regime cubano de Fidel Castro “cairá em breve” e que se atreveria a apostar nisso, segundo uma entrevista concedida a um jornal italiano.

Na edição desta quarta-feira do <i>Corriere della Sera</i>, Reich assinala que sobre o futuro de Cuba responde com as declarações recentes da ministra de Assuntos Exteriores espanhola, Ana Palacio, sobre a pronta democratização na ilha.

O enviado especial americano, de origem cubana, afirma que Cuba é o país que os EUA seguem com maior atenção, assim como a Venezuela, de onde foi embaixador. Na sua opinião, as políticas do presidente venezuelano, Hugo Chávez, “não podem mais nos preocupar”.

– Esperamos com grande atenção o referendo que deve ser realizado na Venezuela no dia 19 de agosto. A morte do cardeal (e arcebispo de Caracas Ignacio) Velasco não diminuirá vigor do protesto contra Chávez, que é tão anticatólico que classifica a Igreja de tumor – acrescenta.

Reich, que se encontra na Itália de visita oficial, também expressa sua inquietação pela situação na Argentina e pela necessidade de reconstruir seu sistema financeiro, depois de informar que acompanhou “com grande atenção as negociações entre o Governo argentino e o Fundo Monetário Internacional”.